• 09/01/2019

    Nota de Esclarecimento: ataques no estado do Ceará contra estruturas da autarquia


    FONTE: DNIT        

     

    Em meio à onda de ataques que vêm ocorrendo nos últimos dias em Fortaleza e demais municípios do Ceará, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes informa que foi registrada nova ação criminosa na noite desta sexta-feira, 04/01/2019.

     

    Uma passarela de pedestres localizada no Km 13 da rodovia BR-116 acabou sendo incendiada, o que causou danos a algumas partes de madeira e borracha presentes no equipamento. Equipes do DNIT/CE e da Polícia Rodoviária Federal - PRF imediatamente se dirigiram ao local para avaliar a situação. O Corpo de Bombeiros foi acionado e devido à atuação rápida conseguiu controlar o incêndio por volta das 23h50.

     

    Ainda durante a noite foi necessário proceder com a interdição parcial da via, no sentido decrescente (sertão - praia), para que a equipe técnica do DNIT juntamente com a empresa responsável pelo trecho pudesse realizar uma vistoria prévia no local. Durante a manhã deste sábado, 05/01, uma nova vistoria foi realizada e foi verificado que não houve danos que comprometessem a estrutura metálica da passarela, sendo afastado o risco de desabamento.

     

    Entretanto, será necessário efetivar o reparo das partes que foram danificadas, promovendo a troca de cabos e do assoalho do piso, substituição de barras de ação de contraventamento, bem como executar o reaperto das conexões.

     

    O prazo para conclusão dos trabalhos é até a próxima terça-feira, 08/01, e até lá a passarela ficará interditada por motivos de segurança. Vale ressaltar que a limpeza da rodovia no local já foi concluída, sendo liberado o tráfego aos motoristas.

     

    Explosão contra pilar de viaduto

     

    Já em relação ao viaduto presente na intersecção das rodovias BR-020/CE e BR- 222/CE, alvo de uma tentativa de explosão contra um de seus pilares de sustentação ocorrida na última quinta-feira, uma equipe com seis engenheiros do DNIT está de plantão no local desde o início da manhã deste sábado para avaliar as condições do escoramento realizado. Foi verificado que a estrutura permanece estável, não tendo havido movimentos ou recalques no viaduto. Porém, devido à ocorrência de possíveis vibrações que venham a ser causadas por veículos e que possam interferir no equipamento de escoramento, o corpo técnico da autarquia decidiu pela não liberação do tráfego no atual momento, permanecendo a interdição na região.

     

    Técnicos do órgão estão trabalhando para realizar a sinalização no local e o bloqueio temporário dos acessos atá que sejam realizadas as próximas etapas de estabilidade e recuperação do viaduto.

     

    Notícias relacionadas:

    Serviços

    O Sindipesa mantem convênio com a Paulicon consultoria nas questões relacionadas a legislação que afeta o transporte rodoviário de cargas, de trânsito, tributária e trabalhista através do telefone (11) 4173-5366

    

    Sócios Mantenedores