• 11/05/2017

    Sai Abralog, volta Aslog


    Cumpre-me o dever de informar a todos que possam se interessar, que em 28/04/2017 foi publicada a decisão de cumprimento de sentença final que anula a Assembleia Geral Extraordinária da ASLOG – Associação Brasileira de Logística, realizada em 09/12/2011.
     
    O processo inicial de 13/05/2013 foi uma iniciativa pessoal minha (Sócio Fundador e Presidente da Assembleia de Fundação da ASLOG em 06/06/1989), devido total discordância aos fatos que demonstraram ilegitimidade na criação da ABRALOG, de forma resumida:
     
    ?  Em 10/11/2011 foi realizada a AGO – Assembleia Geral Ordinária da ASLOG com eleição de Chapa Diretora para o biênio 2012/20113, encabeçada por Rodrigo Vilaça, com termo de posse nessa mesma data (embora na Ata Registrada em cartório conste a data de 02/01/2012);
     
    ?  Em 24/11/2011 é anunciada a criação da ABRALOG (fusão da ASLOG com a ABML), num ato desamparado de ritos legais. Assume Pedro Francisco Moreira, mais 60 membros entre Diretoria e Conselhos;
     
    ?  Em 09/12/2011 é realizada AGE – Assembleia Geral Extraordinária na ASLOG para: I.) Dissolução da Sociedade; II.) Liquidação, nomeação de liquidante; III.) extinção da Associação;
     
    ?  No entanto a Ata da referida AGE apresenta a Ordem do dia: I.) Alteração da denominação para ABRALOG; II.) Alteração do endereço da sede; III.) Reforma do Estatuto; IV.) Admissão de novos associados.
     
    Entre outras irregularidades, essas foram as que configuraram como ilegais, e dessa forma a sentença proferida determina, entre outras medidas:
     
    1.   ABRALOG deixa de existir e volta a existir a ASLOG;
     
    2.   O atual presidente, Pedro Francisco Moreira (e toda Diretoria e Conselho) é deposto e reassume a ASLOG, Rodrigo Vilaça e toda Diretoria e Conselhos eleitos e empossados em 10/nov./2011;
     
    3.   Por consequência, todos os atos praticados por e em nome de ABRALOG ficam anulados.
    Para os que tiverem interesse em detalhes técnicos – jurídicos, o Processo tem o numero: 1038363-40.2017.8.26.0100. E os que desejarem apenas cópia dos documentos aqui citados, basta que me solicitem.

     

    JGVantine
    Notícias relacionadas:

    Serviços

    O Sindipesa mantem convênio com a Paulicon consultoria nas questões relacionadas a legislação que afeta o transporte rodoviário de cargas, de trânsito, tributária e trabalhista através do telefone (11) 4173-5366

    

    Sócios Mantenedores