• 03/04/2017

    Temer recebe proposta da CNA para modernizar Infraestrutura e Logística


    O presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), João Martins, entregou ao presidente da República, Michel Temer, o documento “Infraestrutura Logística – Desafios para o Escoamento dos Produtos Agropecuários”, durante jantar na sede da entidade com a presença de ministros, deputados, senadores e presidentes das Federações.
     
    Ao receber Michel Temer na terça (28), o presidente João Martins falou da disposição da CNA em contribuir, a qualquer tempo, para que o Brasil seja um país melhor e que o setor agropecuário vai apoiar as reformas constitucionais necessárias para a retomada do crescimento.
     
    O presidente da República destacou a contribuição do setor para a economia brasileira, especialmente nos momentos de crise. “O país deve muito à agricultura brasileira e, em consequência, à CNA e a todos aqueles que prestam seus serviços ao país”, afirmou.
     
    Michel Temer disse ainda que o agro é o segmento que “sustenta e dá equilíbrio à economia brasileira”. “Apesar das dificuldades políticas e econômicas, a agropecuária é o ponto de equilíbrio do país”.
     
    O Superintendente Técnico da CNA, Bruno Lucchi, apresentou ao presidente da República os principais pontos do estudo sobre logística e Michel Temer prometeu que seus ministros irão analisar o documento.
     
    Os ministros Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Maurício Quintella (Transportes), Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência da República) estavam presentes no jantar.
     
    No documento de 33 páginas, a CNA faz um levantamento dos gargalos enfrentados pelo setor produtivo nas áreas de infraestrutura e logística e sugere medidas para melhorar o escoamento da safra de grãos.

    Midia News - MT
    Notícias relacionadas:

    Serviços

    O Sindipesa mantem convênio com a Paulicon consultoria nas questões relacionadas a legislação que afeta o transporte rodoviário de cargas, de trânsito, tributária e trabalhista através do telefone (11) 4173-5366

    

    Sócios Mantenedores